Volta página principal

Página Principal

Voltar

imprimir

Ações dos Escoteiros de Minas Gerais no desastre ocorrido em Mariana

Juiz de Fora, 08 de novembro de 2015

A Diretoria Regional, através deste espaço está dando publicidade a todas ações do Grupos da Região com referência ao desastre ocorrido semana passada na cidade de Mariana. Os esforços de todos, perto ou distante do local é muito importante neste momento e contamos com todo apoio dos escoteiros de nossa Região. Para divulgar a ação realizada pelo seu grupo neste espaço favor enviar uma e-mail para: fogaroli@escoteirosmg.org.br 

Sempre Alerta

Diretoria Regional




 

 

 

 

 

 

 

Ações realizadas pelo 30º/MG GE Viçosa

O Grupo Escoteiro Viçosa realizou uma coleta de donativos para as vítimas da barragem de Mariana no último sábado dia 07/11/2015. Gostaríamos de Informar a todos que contribuíram com esta ação que recebemos uma grande quantidade de roupas, água, material de higiene pessoal entre outros. Conseguimos encher um caminhão, que foi gentilmente cedido pela marmoraria BELLA. Os donativos seguiram no mesmo dia para Mariana onde foi direcionado para vítimas de Mariana, Barra Longa e outras comunidades atingidas.

O Grupo Escoteiro agradece a todos que contribuíram e atenderam o seu chamado queremos agradecer marmoraria BELLA e as rádios de Viçosa que ajudaram na divulgação.

Obrigado Viçosa, Sempre Alerta para Servir!


 





Escoteiros se unem para ajudar desabrigados em Mariana, Barra Longa e distritosões

Após a tragédia acontecida nas cidades de Mariana, Barra Longa e distritos no último dia 05 de novembro, uma ”Força Tarefa Escoteira” foi criada, no Distrito Metropolitano da Região Escoteira de Minas Gerais, que despendeu esforços para enviar ajuda humanitária ao vitimados pelo rompimento das barragens do Fundão e Santarém.

Coordenada pelos escotistas Ricardo Machado, Érika Santos, Pittia Paula e Pablo Diniz, a Força Tarefa Escoteira conseguiu recolher mais de sete toneladas de doações dos mais diversos tipos, entre eles peças de vestuário, alimentos não perecíveis, medicamentos, colchões, produtos de higiene pessoal, galões de água, brinquedos e fraldas descartáveis.

Dezenas de voluntários, dentro e fora do Movimento Escoteiro, foram mobilizados para recepção, triagem e separação das doações e também para carga e descarga dos dois caminhões cedidos pelas empresas Ouro Preto Vidros e FAFS.. Muitos escotistas usaram seus próprios veículos para auxiliar no transporte da carga, assim como contribuíram com valores para abastecer os caminhões e outros envolvidos na ação.

Na madruga do domingo, dia 08, o primeiro caminhão, com mais de uma tonelada de doações chegou até Barra Longa e contou com a ajuda de escotistas e pioneiros de Belo Horizonte e Ouro Preto, que já estavam na cidade, para a descarga e distribuição aos necessitados daquela localidade. Durante o INDABA do Distrito Metropolitano, que aconteceu no mesmo dia, foram embarcados mais 1.400 quilos de produtos diversos doados pelos Grupos Escoteiros ali representados. Ainda na parte da tarde, outro caminhão foi enviado com mais 1.600 quilos e hoje, dia 09, mais um caminhão com cerca de 5.000 quilos.

Durante todo o fim de semana diversos escotistas e membros juvenis auxiliaram as autoridades nos postos de coleta e triagem de doações, sendo que escotistas se juntaram aos militares do Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais na busca e resgate de animais atingidos e ainda se encontram no local.

A Força Tarefa Escoteira do Distrito Metropolitano de Minas Gerais continua mobilizada em Belo Horizonte e recolhendo produtos como medicamentos, fubá, sal, açúcar, produtos diversos de higiene pessoal (lâminas de barbear, pente, shampoo condicionador, cremes para pele, desodorantes, cotonetes, etc), produtos de limpeza (sabão em pó, água sanitária, desinfetante, álcool, bucha para cozinha, etc) velas, fósforos e ração para animais.

Solidariedade escoteira

Em outras cidades de Minas Gerais, Grupos Escoteiros também se mobilizaram para diminuir o sofrimento dos desabrigados em Mariana, Barra Longa e distritos. Em Viçosa e Raposos, os donativos foram enviados no sábado, dia 07. Os Grupos do Distrito Estrada Real vão encaminhar as doações no próximo sábado, dia 04. E em Itabirito a arrecadação ainda está sendo realizada.
Érika Santos
(31) 992372926





Pioneiros de Minas Gerais trabalham em cidade atingida por lama de mineradora

Por Mestre Rodrigo F. Bianchi, 8o GEOP/MG

No último final de semana, em Barra Longa, Minas Gerais, representantes dos grupos escoteiros de Ouro Preto (8o GEOP), Conselheiro Lafaiete (1470 Inconfidência Mineira) e Belo Horizonte (70 GEARPE) deram assistência aos desabrigados nas áreas atingidas pela lama da barragem da empresa Samarco.

Na oportunidade, representantes dos três grupos, em sua maioria do Ramo Pioneiro, tiveram a oportunidade de vivenciar intensamente o lema Servir. Ancorados na promessa escoteira que diz que um escoteiro é alegre e sorri nas dificuldades, os pioneiros conheceram e se emocionaram com as histórias de desabrigados, conscientizaram a população local sobre os riscos a saúde do contato com a lama contaminada por esgoto, gerenciaram o recebimento e a entrega de donativos, organizaram o trânsito local e contribuíram para limpeza da escola estadual da cidade.

Segundo os jovens envolvidos, "a ação foi uma oportunidade incrível de aplicar os conhecimentos e as habilidades escoteiras em todos os sentidos".




Grupos 08 e 77 auxiliando no trabalho voluntário de separação de doações para os desabrigados de Bento Rodrigues e distritos da região

Representantes do  8/MG Grupo Escoteiro Ouro Preto e do 77/MG Grupo Escoteiro Ouro Branco estiveram em Mariana no dia 07/11 auxiliando no trabalho voluntário de separação de doações para os desabrigados de Bento Rodrigues e distritos da região.
Durante o dia uma Força Tarefa Escoteira do Distrito Metropolitano trouxe um caminhão de doações provenientes dos Grupos Escoteiros de Belo Horizonte.




 

Balanço das Arrecadações recebidas